"Têm mais maneiras de ser bom do que mau"

A maioria de nós se diz bondosa, afável e sem preconceito. Mas será que na prática podemos, de fato, dizer que jamais julgamos os outros pela aparência ou pela condição social? Ou se analisarmos a fundo, será que em alguns momentos não acabamos cedendo à tentação de julgar alguém sem antes mesmo conhecê-lo somente porque está mal vestido ou não age de acordo com as nossas próprias convicções? Então, assista abaixo a um vídeo maravilhoso que mostra como quase todos nós estamos sujeitos a julgar, mesmo jurando  que somos isentos de qualquer tipo de preconceito, como se algum de nós, meros humanos, mortais e falhos, estivéssemos aptos a isso.

Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...