Crônica da Semana: Pane no Google e o Fim do Mundo

Olá, pessoal! Abaixo está uma prévia da crônica da semana, que escrevo para o blog da Fê - Segredos em Livros. A pane do Google, ocorrida segunda-feira desta semana, deixou muita gente apreensiva não é mesmo? Com essa chegada do 21 de dezembro e tudo o mais... E você, está se preparando para o fim do mundo, ou tudo isso não passa de folia? Confira a crônica e depois me  responde, certo?

Não sei quanto a vocês, mas a pequena falha do Google na última segunda-feira deu um grande susto. Tudo bem! Não foram todos que passaram por ele, porque alguns provedores ficaram isentos desse horror. Mas aqueles que sentiram, e para piorar, estavam no meio de trabalhos realizados por algumas das contas do Google ficaram com um baita receio de que tudo estaria perdido. Afinal, o problema persistiu por mais de uma hora.

Foi engraçado, no entanto, o resultado que essa pane causou. No mesmo instante, centenas de usuários do Face ou de outras redes começaram a comentar que o fim do mundo estava chegando. Claro que foi uma piada, mas no fundo, com o 21 de dezembro às portas, aposto que muita gente começou a rezar de verdade. É, minha gente, falta menos de um mês.

Leia mais...

Resenha Crítica de Livro: Casais Inteligentes Enriquecem Juntos

Já falei mais de uma vez aqui que não sou muito fã de livros de auto-ajuda. Na maioria das vezes porque, além de serem pobres em originalidade, eles não ajudam muito. Mas claro que para tudo há exceção, e, apesar de ser relativamente velho, o livro Casais Inteligentes Enriquecem Juntos, de Gustavo Cerbasi, foi um dos melhores presentes de casamento que meu marido e eu nos damos. Como estou casada há quase oito anos, e adquirimos esse livro na nossa lua-de-mel, quer dizer que eu já o li faz bastante tempo. Mas saiba que muitas das lições que aprendemos nele estão bem guardadas em nossas memórias, e, claro, aplicadas em nossas finanças.

Resenha Crítica de Filme: A Branca de Neve e o Caçador

É muito chato quando um ator se torna figurinha carimbada por determinada atuação, porque dessa forma, fica muito difícil deixar de associá-lo àquele personagem. Já falei de Daniel Hadcliffe, por exemplo, em sua atuação recente A Mulher de Preto e como foi esquisito não relacioná-lo com Harry Potter, embora um filme não tenha nada a ver com o outro. O mesmo aconteceu agora com Kristen Stewart e sua atuação em A Branca de Neve e o CaçadorE embora não tenha sido seu único papel além de Bella na Saga Crepúsculo, já que a filmografia da moça já está bem extensa, ainda assim, é um pouco difícil deixar de comparar sua atuação em outros filmes, e a sua interpretação, digamos, precária na Saga Crepúsculo. Mas tenho que admitir que a pressão em cima dela rendeu resultados bem positivos, pelo menos nesse filme.

Resenha Crítica de Filme: A Caixa

Sabe aquele tipo de filme que quando você assiste pensa que foi produzido sob o efeito de drogas? Isso porque o filme é totalmente fora da realidade e tão bizarro que você nunca imaginaria algo parecido. Alguns imaginariam, claro, senão ele não teria sido feito =)... Então, o filme A Caixa, já meio velhinho, é um desses filmes, sobre o qual você fica se perguntando: como o cara que escreveu o roteiro conseguiu inventar um enredo tão peculiar assim?

"Não Havia Ninguém Com Ele"

Aproveitando que fiz uma postagem hoje sobre a Expiação de Jesus Cristo, gostaria de postar agora um vídeo que mostra os momentos de agonia sofrido pelo Salvador até o momento de Sua Ressurreição. Tendo como áudio um trecho do discurso "Não havia ninguém com Ele", do Elder Jeffrey R. Holland, da Conferência Geral de abril de 2009, esse vídeo ilustra um pouco do que Jesus Cristo sofreu por nós, e Seu amor pelas pessoas, tendo o Espírito Santo como único companheiro durante Sua jornada rumo à cruz, mas que por um momento, foi retirado da presença de Jesus, para que Ele pudesse sentir o que as pessoas sentem quando estão em pecado. Dessa forma, Jesus Cristo pôde se colocar no lugar das pessoas, para que a Expiação fosse completa e perfeita.

  

Crônica da semana: Suas fotos do Face

Pessoal, já está disponível no blog Segredos em Livros a crônica desta semana. Confira uma prévia e depois, se a leitura estiver suportável, vai lá dar uma olhadinha... ;)

As redes sociais nunca aproximaram tanto os amigos, ou não, depende do ponto de vista. Porque muita gente acha melhor o contato com os amigos através das telas do computador, do que pessoalmente. De qualquer forma, as redes sociais permitem um contato imediato e constante de amigos e parentada. E fica muito fácil combinar ou descombinar compromissos, ou dar um simples recado por essas vias. Mas tem uma coisa muito mais atraente nas redes sociais, mas que poucos usuários têm coragem de assumir: a possibilidade de um bom exibicionismo.

"Dona Benta - Comer Bem"

Não sou nem de perto uma expert da cozinha, mas fiquei com muita vontade de ser depois que adquirimos, aqui em casa, o livro Dona benta - Comer Bem, que já está na sua 76ª edição, desde que foi lançado em 1940. O mais legal dessa edição é que todinhas as receitas foram compiladas em um só livro, então, acredite, ele é uma verdadeira bíblia da culinária. Estou fascinada! A única coisa que não me agradou muito foi a capa ser de brochura. Eu queria capa dura... hehehehe... Não quer nada, né? Brincadeira, o livro tem uma ótima qualidade, e o layout todo é lindo. E, para melhorar, as livrarias estão fazendo uma promoção bem bacana. No Submarino, por exemplo, o livro está por R$ 20,93. Foi onde eu comprei. Então, aproveita, porque o livro é bom tanto para quem é fissurado por culinária, ou quem é como eu, que não sabe nem fritar bife direito. As receitas são mastigadinhas... ;)

Resenha Crítica de Livro: Mulherzinhas (Little Woman)

É muito estranho escutar por aí que o clássico da literatura antiga Mulherzinhas (Little Woman), de Louisa May Alcott, não agradou muita gente. É verdade que a adaptação para os cinemas, com o título Adoráveis Mulheres, foi superior à história contada nos livros, mas ainda assim, a leitura nos convida a uma época em que a vida para as mulheres não era exatamente um mar de lavandas (prefiro lavandas a rosas). E por sinal, o filme é maravilhoso, um dos meus preferidos, e acho que vou resenhá-lo na próxima semana.

Resenha Crítica de Filme: Jogos Vorazes

Sou fascinada por filmes antigos. Mas uma das coisas bacanas de filmes novos é que você acaba conhecendo carinhas novas, ou ainda melhor, vendo as carinhas atuais de atores que você via como crianças nos filmes antigos. No tão famoso Jogos Vorazes, adaptação do livro de mesmo nome, de Suzanne Collins, vemos que Jennifer Lawrence (X-Men: primeira Classe) está em ascensão, e sua aparição em longas famosos está se tornando bem comum. E também vemos que Josh Hutcherson (Ponte para Terabítia e Zathura - Uma aventura Espacial) está enorme, deixou de ser criança e agora está um baita gato. Mas como não vim falar dos atores propriamente ditos, mas sim do filme que está fazendo um super sucesso, vamos ao que interessa.

Resenha Crítica de Filme: Enrolados

Para tirar o atraso das minha críticas, resolvi hoje pegar um filme bem ultrapassadinho já para dar minha avaliação. Não poderia deixar de postar sobre uma das produções mais queridas da Disney, e de muita gente nos últimos anos. Afinal, Hollywood agora deu para readaptar várias histórias infantis e mudar um cadinho da história, dando novas características aos personagens, acrescentando aventuras e procurando mesclar vários gêneros. É o caso de Enrolados, que conta a aventura de Rapunzel, a loira de cabelos muito longos, que fica seus primeiros 18 anos de vida trancafiada em uma torre escondida. Só que, claro, Enrolados tem um enredo um tanto diferente da história original, que eu não sei direito qual é, tantas foram as adaptações. Mas eu acho que esta aqui é a que chega mais perto ;).

Lições que Aprendi: Assista sem se emocionar

Um dos mais belos vídeos que já assisti em toda a minha vida. Sem dúvida ensina uma bela lição.

Quantos de nós já não pregou uma peça em alguém? Aquele tipo de humor negro que por mais que faça mal de alguma forma, ainda assim é engraçado e vale à pena. Pois esse segmento abaixo mostra que o humor pode muito bem ser substituído por um outro tipo de "peça". Será que todos nós somos capazes de fazer o bem, e ainda assim achar bastante divertido? É possível, sim. Não é o caso deste vídeo, que está longe de ser engraçado, mas ainda assim nos faz perder o fôlego =).


Crônica da semana: Quase na meia-idade

Esta semana escrevi sobre um assunto que interessa para muita gente que está perto dos 30 anos. Veja uma prévia...

Sempre fiquei na dúvida a respeito dessa tal de meia-idade. Quando ela começa de fato, e quais são suas características. Antes de saber mais, acreditava que a tal da meia-idade era uma conta que calculava a metade da vida, de acordo com a expectativa de vida de uma determinada população. Bah! Que bobagem! Na verdade, a meia-idade nada mais é do que o fim da juventude, e o início de uma etapa da vida que antecede a terceira idade. Ou seja, antes de você se tornar um idoso, você vai passar pela meia-idade. Então, lá pelos 30 ela começa e só vai terminar perto dos 60. Leia mais aqui.

Finalmente chegou "Coleção Itaú de Livros Infantis"


Há mais de um mês, ou dois meses, pedi gratuitamente a Coleção Itaú de Livros Infantis, uma bela iniciativa do Itaú para estimular nas crianças o amor pela leitura, e nos pais, o hábito de ler para os filhos. Consegui adquirir a minha coleção, que chegou ontem e trouxe três obras lindas, que fizeram os olhos da minha Kaline brilhar. Estava esperando os livros chegarem para fazer uma bela postagem sobre a promoção, só que infelizmente, ela acabou. Desculpe! =(

Mas fiquei tão empolgada com essa iniciativa, e com os livros chegando na porta da minha casa, que com certeza, ainda rende uma postagem, e se você tiver interesse em conhecer mais dessas obras, clique nos links das editoras que estão logo abaixo. E aqueles que ainda estão esperando podem ficar tranquilos, porque eles demoram um pouquinho, mas chegam. Os livros da promoção são estes:






Resenha Crítica de Livro: O Hobbit

O famoso filme O Hobbit - Uma Jornada Inesperada, primeira parte do livro de mesmo nome, do autor J. R. R. Tolkien, está prestes a ser lançado nos cinemas, e a expectativa do público já é muito grande. Não é para menos, a história é maravilhosa, e cheia de aventuras e tiradas divertidas, da maneira como eu gosto, ou qualquer adulto com espírito jovem, quase infantil. O livro, claro, sempre traz detalhes extras, mas pelo suor que foi colocar essa produção no ar, o filme tende a ser muito bom. Vamos esperar para ver.

Resenha Crítica de Filme: Criação

Desde muitos séculos atrás, o mundo vive uma divisão básica entre aqueles que acreditam na religião puramente, sem questioná-la, e aqueles que a descartam completamente e levam em conta a ciência, e tudo o que ela pode provar. Felizmente, de umas décadas para cá, evidências históricas e estudos mais aprofundados têm possibilitado uma conciliação entre ambas, e muitas pessoas, até mesmo grandes cientistas, como Albert Einstein, abraçaram e abraçam durante toda a vida a verdade existente entre as duas. No filme Criação2009, esse dilema é fortemente apresentado, ao trazer à tona uma parte da vida de Charles Darwin que poucos conhecem.

Resenha Crítica de Filme: Zona Verde

Para mim nunca é sacrifício assistir a algum filme que tenha Matt Damon no elenco. Além de ser um ator maravilhoso, com muito talento, ele é meu gatinho de Hollywood. Mas sem lengalenga. Hoje quero falar sobre o longa Zona Verde, de 2010, que apesar de não ser muito original em alguns quesitos, justamente por se tratar de um filme de guerra, traz uma novidade: não retrata os EUA como santos, e a oposição como o demônio.

Trailer e pôster do filme "A Hospedeira"

Justamente quando decidi tirar o atraso das minhas críticas e resenhar a melhor obra de Stephenie Meyer, A Hospedeira, a editora Intrínseca resolve divulgar um novo pôster e o trailer oficial do filme baseado na obra, que será lançado em março do ano que vem. E convenhamos, os fãs estão atordoados com a novidade, porque pelo jeito, o filme fará jus ao livro e será ma-ra-vi-lho-so. Veja abaixo o trailer, por enquanto sem legenda, e mais abaixo ainda o pôster de divulgação.


O casamento é a instituição mais sagrada para Deus

Para os mórmons, o casamento é a instituição mais importante desta vida. A doutrina da Igreja ensina que nem o homem e mais do que a mulher, e nem a mulher é mais do que o homem, mas ambos são iguais perante Deus, embora tenham obrigações e papéis diferentes na família e na sociedade. No entanto, é cada vez maior o número de homens e mulheres que tratam o casamento como algo sem importância, esquecem-se dessa parceria, e tentam ser autoritários acreditando que "mandam" no cônjuge. O Élder Russel M. Nelson, membro do Quórum dos Doze Apóstolos, proferiu em 2006, um discurso muito esclarecedor e inspirador a respeito da importância do casamento e de como ele pode ser feliz, a despeito das equivocadas  opiniões populares. Abaixo um trecho do discurso, e aqui você pode acompanhá-lo por completo.

“O casamento é a instituição que forma a ordem social, a fonte da virtude e o alicerce da exaltação eterna. O casamento foi divinamente ordenado como um novo e eterno convênio. Ele é santificado quando é cultivado e honrado em santidade. Essa união não é meramente entre marido e mulher; ela inclui uma sociedade com Deus”.


"Têm mais maneiras de ser bom do que mau"

A maioria de nós se diz bondosa, afável e sem preconceito. Mas será que na prática podemos, de fato, dizer que jamais julgamos os outros pela aparência ou pela condição social? Ou se analisarmos a fundo, será que em alguns momentos não acabamos cedendo à tentação de julgar alguém sem antes mesmo conhecê-lo somente porque está mal vestido ou não age de acordo com as nossas próprias convicções? Então, assista abaixo a um vídeo maravilhoso que mostra como quase todos nós estamos sujeitos a julgar, mesmo jurando  que somos isentos de qualquer tipo de preconceito, como se algum de nós, meros humanos, mortais e falhos, estivéssemos aptos a isso.

Nova coluna de crônicas

É com muito prazer que anuncio que fui convidada pela linda Fernanda, Segredos em Livros, para ser cronista de seu blog. E ontem foi o dia de estreia, embora, por motivos de saúde meeesmo, tive que adiar para que ela publicasse a crônica só hoje. De qualquer modo, já está no ar. E vocês podem conferir neste link. A partir de agora, meus textos também ficarão armazenadas na página Crônicas, deste blog.


Resenha Crítica de Livro: A Hospedeira

Barbaridade! Não acredito que ainda não tinha feito minha crítica sobre A hospedeira, o tão badalado e elogiado livro de Stephenie Meyer, que foi adaptado para os cinemas e terá seu lançamento nas telonas em março do ano que vem \0/. Isso, claro, se o mundo ainda estiver "funcionando" até lá. Gostei demais do elenco, sou fãzona da atriz Saoirse Ronan, que com sua bela atuação e carinha de menina fez muito bem o papel de Susan Salmon, em Um Olhar do Paraíso. A menina é tão bem vista pela crítica, que já foi, inclusive, indicada ao Oscar, pelo filme Desejo e Reparação. Outra atriz que está no elenco e sempre me encantou é Diane Kruger, que além de linda, é carismática e uma baita intérprete.

Continue Lendo »»»»»»»»»»

Resenha Crítica de Filme: Confiar

De um modo geral, você acredita que o mundo tem melhorado ou piorado? É uma avaliação complexa, não é mesmo? Afinal, em muitos aspectos, o mundo nunca esteve tão evoluído, o conhecimento tão acessível e a tecnologia tão avançada. Por outro lado, já diz o ditado, "quanto mais gente, mais problemas". Sei lá se esse ditado existe mesmo, se não existia, acabei de inventar. Mas a questão é que em um mundo tão repleto de diversidade, e de pessoas que divergem e que têm seus próprios interesses, é bem provável mesmo que os problemas aumentem.

Será que tudo pode ser recuperado?

Creio que todas as pessoas já tenham passado pela terrível experiência de perder algo muito valioso e jamais ter conseguido recuperá-lo. Mas ainda pior do que perder algo importante é a pessoa acreditar que ela mesma não tem mais recuperação, que não há como se tornar limpa. Muitas pessoas pensam isso de si mesmas e não conseguem se perdoar por erros do passado, imaginando que seu pecado ou suas falhas não são dignas de perdão. O vídeo abaixo faz uma analogia interessante entre um aterro sanitário que se transformou em um maravilhoso parque, e a transformação pela qual qualquer pessoa pode passar se permitir que a Expiação de Jesus Cristo tenha efeito sobre sua vida. 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...