Frutas do verão

É tão esquisito para mim escutar de alguém que o inverno é a melhor estação do ano. Fico extasiada quando escuto no jornal o apresentador meteorologista dizer que "esta será a última frente fria do ano", e daí o sol começa a bater a manhã toda no meu apartamento e a primavera dá as caras, tirando o povo de casa, os animais das tocas e trazendo as primeiras flores da estação. Não consigo equiparar as vantagens da primavera e verão com as do outono e inverno. Sei que as duas últimas também são necessárias e importantes, mas, tirando o fato de as roupas pesadas do frio esconderem nossas imperfeições físicas, nada mais me atrai em congelar, em não poder abrir as janelas e deixar a luz do sol entrar, em estar sempre com as roupas fedendo a mofo, e o pior, passar metade do ano tomando remédio disso e daquilo. Ficou claro que o é do calor que eu gosto, né?

E é no calor que quase todo mundo, em especial as mulheres, corre contra o tempo pra ficar esbelto. Daí outra vantagem do verão, é nesta estação que as frutas mais suculentas, mais gostosas e mais nutritivas (opinião) aparecem para deixar a estação refrescante e ainda mais agradável. Tendo um agrônomo em casa, a gente acaba aprendendo um pouco sobre a qualidade das frutas, mesmo que ele não seja tão fã de consumi-las quanto é de estudá-las. Mas vamos abafar isso. O caso é que resolvi citar os valores nutricionais de algumas frutas do verão. Vamos começar pela minha preferidinha:


Melancia: o bom da gordinha, é que de gorda ela não tem nada. É só água praticamente. Além de rica em líquido, que ajuda muuuuito nas dietas, é também em vitaminas A, C e do complexo B, e também ajuda na prevenção do câncer e do envelhecimento. O máximo é que só contém 300 calorias em um quilo da fruta. Imagina você se empanturrar de um quilo de melancia e não engordar nem o equivalente a um prato pequeno de arroz.


Manga: em segundo lugar na minha preferência. Só que, ao contrário da melancia, é uma frutinha bem calórica. Aliás, uma das mais calóricas, porque é bem cheia de açúcar. Mas é muito rica em vitaminas e fibra. E deliciosa, por sinal. A fruta ajuda no combate à bronquite, é expectorante e alivia azia e acidez estomacal.


Melão: é da mesma família da melancia, e tem quase os mesmos valores nutricionais, só que não é tão gostosa.


Pêssego: outra tentação! Também tem pouca caloria (100 para 200g. da fruta) e ajuda o intestino a trabalhar melhor, a pele a rejuvenescer e combate o reumatismo. Rico em vitamina A, C e do complexo B.


Acerola: é toda poderosa, uma das mais ricas em vitamina C, mais do que as frutas cítricas. Eu que amo fruta azeda, como acerola sem parar. Além disso, é bem pouco calórica também. Só tem uma caloria por frutinha.


Goiaba: o fruto só começa a aparecer lá em meados de fevereiro. Mas é uma delícia e bem nutritiva. Ajuda no bom funcionamento do intestino, mas ela pode prendê-lo se consumida em excesso. Eu que o diga!

As informações desta matéria foram coletadas dos seguintes sites:


http://www.saudenainternet.com.br/portal_saude/as-calorias-das-frutas.php
http://www.copacabanarunners.net/calorias-alimentos.html
http://www.dietaesaude.org/tabela-calorias-frutas.php
http://www.frutasnobrasil.com/propriedades_goiaba.html
http://andreiatorres.blogspot.com/2007/12/frutas-do-vero.html
http://www.todafruta.com.br/portal/icNoticiaAberta.asp?idNoticia=6297

Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...