Retrato da Realidade: A realidade verossímil de Sherlock Holmes

O detetive mais famoso do mundo, que deu origem à famosa frase "Elementar, meu caro Watson" não é de fato um personagem real, mas muitos dos seus fãs, leitores fieis das obras que deram vida a Sherlock Holmes creem que ele existiu mesmo fora das páginas dos livros.

Não é para menos. Sherlock Holmes se tornou uma figura lendária tão curiosa, que seu sucesso não parou com a finalização da sua história, em 1927, mas perdurou por boa parte do século XX, e se tornou, em muitos casos, uma herança de pai para filho. Depois que o reconhecimento do detetive deu uma leve esfriada, o filme do ano passado foi uma excelente oportunidade de as histórias fantásticas de Sherlock Holmes e seu fiel companheiro Dr. Watson voltarem com tudo no gosto do público. Mas agora tendo o detetive novas histórias e uma nova personalidade, já que o antigo Holmes era bem mais metódico, e continua com seu jeitinho impecável de desvendar mistérios, com a utilização de métodos científicos avançados e a dedução minuciosamente calculada.

O pai de Sherlock Holmes, não literalmente, que deu vida ao personagem, foi o escritor britânico Sir Arthur Conan Doyle. E as aventuras do detetive começaram em 1887 com o romance Um Estudo em Vermelho. E terminou com Os Casos de Sherlock Holmes, que foi uma série de doze contos publicada em 1927.

Fonte: Sherlock Holmes em Wikipedia

Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...