Estamos mais apressados ou o tempo que diminuiu?

Mal começa o ano, e quando menos precebemos, lá está o natal de novo. Quem nunca sentiu a sensação de que o tempo está passando mais depressa? Há teorias que afirmam a veracidade desse fato. Os dias estão, de fato, voando. Claro que o excesso de atividades e o estresse atual ajudam a acelerar o nosso ritmo e, como consequência, dar a impressão de que nossos dias estão mais curtos. Mas Leonardo Boff, teológo catarinense, fez um artigo que ficou conhecido em todo o país, em 2004, trazendo à tona a teoria da Ressonância Schumann, levantada pelo físico alemão W.O. Schumann, que explica por que nossos dias estão parecendo mais acelerados. Segundo Schumann, essa loucura começou na década de 80, e se acentuou nos anos 90. Leonardo Boff explica tal teoria da seguinte forma:

E a gente reclama do nosso trânsito

Não estou aqui para elogiar nosso trânsito, porque tem muita baderna nas estradas do Brasil. Aliás, sabe que até considero as leis do trânsito brasileiro bem eficientes? O problema maior é uma boa parte dos motoristas que gosta de contrariar qualquer tentativa de efetivação da ordem. Mas de qualquer jeito, não estamos na pior situação. Dá só uma olhada!

Homens, Cuidem-se!

Há alguns meses, o governo brasileiro lançou uma campanha para incentivar o homem a cuidar mais da saúde. É preciso mesmo. Acompanho o dia-a-dia dos homens da minha família e vejo como eles têm dificuldade em tomar alguns cuidados para preservar a saúde, especialmente quando esses cuidados são relacionados à alimentação. Tiro o chapéu para o meu pai, que cuida da alimentação muito bem e faz exercícios fisicos diariamente desde... sei lá... quando eu nem era nascida ainda. Mas de um modo geral, segundo minhas análises com pessoas próximas, os homens sempre se descuidam mais que as mulheres. Comem mais porcarias e são mais sedentários. Podem falar mal das mulheres ao volante, mas os acidentes de trânsito ainda são bem mais frequentes entre os homens do que mulheres. E não é porque homens são maioria no trânsito, conforme usam como desculpa os homens com quem já discuti sobre o assunto, é porque eles são mais barbeiros mesmo... não, brincadeira, é porque são mais descuidados, acham que acidentes nunca vão acontecer com eles e porque não têm muita paciência para obedecer limites de velocidade ou outras regras que os obrigam a ir com mais calma.

O consumidor sai sempre prejudicado

Estou abismada com a falta de compromisso das empresas de uns tempos pra cá. Não quero citar nomes por vários motivos, mas desde que nos mudamos para Tubarão, de mais de 20 serviços solicitados, apenas duas empresas agiram com responsabilidade, entregando os produtos com pontualidade. A última dor de cabeça ocorreu com a empresa de telefonia que pedimos. Quando o sistema era monopolizado, há mais ou menos cinco anos, eu acreditava que as coisas mudariam assim que outros concorrentes chegassem para assustar a principal empresa de telefonia que existia na época, mas hoje vejo que o problema é geral. Já tivemos três diferentes serviços de telefonia, e nenhum deles, até agora, mostrou-se 100% eficiente. Especialmente quando se trata de cumprir regras relacionadas ao atendimento ao consumidor.

Pianista Mirim

Ontem, de relance, assisti ao Fantástico e acompanhei a história da menina Crystal, que toca piano há só três anos melhor do que muita gente que conheço que já toca há 15. A guria é fera. Como o mundo esconde talentos natos, né? Eu estou tentando aprender a tocar piano há três anos também e até agora não saí do "Cai cai balão"... Achei incrível a determinação e a capacidade da pernambucana. Eu realmente espero que ela tenha muito sucesso na realização do sonho de ser uma reconhecida pianista. Os professores dela não vão ter muito trabalho em ensinar as técnicas, a menina é um prodígio. O trabalho maior vai ser tirar a timidez e fazer a menina adquirir carisma. Achei ela meio fria, apesar do talento e da inteligência. Mas tudo bem, dos males o menor. E câmera também não determina nada. O caso é que, feliz ou infelizmente, não sei avaliar, não é só talento que conquista plateias. De qualquer forma, provavelmente é só timidez, a menina é um amorzinho. Ah, pelo jeito ela é mórmon, como eu, porque o piano que ela tocava para ensaiar durante as quatro horas diárias ficava numa capela da Igreja em Jaboatão dos Guararapes, região metropolitana de Recife.

As estrelas que mais me encantam no cinema

Quais são meus gostos pro cinema? Tá certo. Estou beeeeeem desatualizada por vários motivos, mas não nego que gosto muito de um bom filme. Aliás, assistir a filmes é a única coisa que me atrai na televisão. Mas vamos lá, hoje vou começar colocando no pódio as minhas preferidinhas do cinema. Desta vez só as mulheres.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...