Ar puro, natureza, gratidão pela vida e nada de gripe

O primeiro aniversário da minha gatinha foi comemorado de maneira não convencional, mas proveitosa. Deixe-me explicar do começo. Nós estamos em Curitiba, longe de quase todos os familiares, ainda não criamos fortes laços de amizade com ninguém, estamos neuróticos com essa nova gripe e não víamos como uma mocinha linda de 1 ano poderia compreender o que significa uma festa, com um monte de gente amontoada, senão um estresse total pra ela. Então decidimos dar à minha pequena Kaline uma comemoração bem diferente no dia 08 de agosto último, quando completou seu primeiro aninho.


Fomos abençoados com um dia maravilhoso, quente, ensolarado, sem vento e com todas as condições necessárias para um belo aniversário. Então decidimos pegar nosso carro e levar a garotinha mais linda do mundo para conhecer o Parque Bacacheri, aqui em Curitiba. Nós pulamos, corremos, a Kaline viu muitos "pipius" (pombos), quase deu um mergulho e gritou muito de euforia. Teve até vídeo-cassetada, e por sorte ainda foi filmada. Tenho certeza de que nenhuma festa do mundo seria mais bem aproveitada e apreciada pela Kaline do que foi esse passeio ao ar livre, longe de gripe suína e barulheira. Ano que vem, estou convencida, ela terá mais discernimento para desejar um aniversário com a família e amiguinhos, cheio de bagunça.

Nada poderia ser mais gratificante do que ter a Kaline ao meu lado, um ano depois de eu vivenciar o momento mais feliz da minha vida. Indubitavelmente, uma festa cheia de guloseimas jamais proporcionaria recordações tão doces.

Só para constar, já conhecemos aqui em Curitiba o Jardim Botânico, Ópera de Arame, o Parque Bacacheri e o Templo da Igreja, que para mim é o lugar mais belo e agradável do mundo.

Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...